O prefeito de Ibotirama, Laercio Santana (PSB), falou sobre o avião com vacinas da Covid-19 que bateu em um jumento nesta quarta-feira (03). A informação foi compartilhada nas redes sociais da prefeitura da região após o ocorrido.

Prefeito de Ibotirama fala sobre avião com vacinas da Covid-19 que bateu em jumento — Foto: Reprodução/Redes sociais

"Graças a Deus fugimos de uma tragédia", disse o gestor municipal.

"Hoje, infelizmente, me deparo com a situação indesejada, mas graças a Deus sem nenhum prejuízo à saúde das pessoas. A gente tem que focar na responsabilidade de tentar ao máximo não deixar seus animais soltos", falou.

Ainda segundo Laercio, a prefeitura vai iniciar o processo de captação desses animais das ruas, além de notificar os donos.

O prefeito também falou que está com um projeto pronto para que "consiga fazer novamente a proteção do aeroporto", no entanto, ele disse que a população precisa ter consciência e não utilizar a pista do aeródromo.

"O povo tem que ter a consciência de não atravessar de moto, de não fazer [o aeródromo] de pista de caminhada. A gente tem que ter a noção que esse aeroporto é para nossa segurança, é para nossa funcionalidade do município. Peço encarecidamente a cada um de vocês: não façam caminhada no aeroporto, não deixem seus animais soltos na rua. Isso é muito importante", pediu.

Na ocasião, o prefeito ainda ressaltou a importância do aeroporto para a região.

"A gente depende dele para que as coisas cheguem mais rápido e, caso necessário, a gente precise tirar alguém com UTI aérea agora no tempo da vacinação, onde nós somos o primeiro município do oeste a iniciar o processo de vacinação", explicou.

Entenda o caso

Aeronave bateu em jumento pouco depois de pousar na pista do aeródromo de Ibotirama — Foto: Gazeta 5

Um avião da Casa Militar do Governador da Bahia, que fazia o transporte de doses da vacina contra a Covid-19 para a cidade de Ibotirama, no oeste do estado, se chocou contra um jumento que estava na pista do aeródromo do município, nesta quarta-feira(03).

A aeronave transportava quatro caixas com vacinas, que não foram danificadas. De acordo com a Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), não houve problemas com o imunizante nem com o piloto.

A aeronave teve danos pequenos e outro avião foi deslocado para dar a sequência ao transporte das vacinas.

A Sesab informou que o acidente não comprometeu a distribuição do imunizante. No entanto, por causa da logística, haveria atraso na chegada das vacinas às cidades de Barreiras, Guanambi e Santa Maria da Vitória, na região oeste do estado, vizinhas a Ibotirama. Até às 17h40 desta quarta, a Sesab não soube informar se as doses das vacinas já chegaram nos municípios.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP), o acidente aconteceu pouco depois que a aeronave pousou na pista. Uma equipe da Polícia Militar esteve no local para prestar auxílio à ocorrência e verificou que o animal ficou ferido e fugiu do local. Não há informações sobre as extensões dos ferimentos do animal.

Fonte: G1 Bahia / TV Oeste

Postagem Anterior Próxima Postagem