Moradores da cidade de Itarantim no sudoeste da Bahia, estão sofrendo com a falta d’água nas torneiras de suas residências. Um problema crônico.

Foto: Reprodução Blog do Edyy 

Segundo moradores, a situação hídrica do município está precária há muito tempo. “Não sabemos o dia que vai ter água em nossas casas. Um dia cai o outro não, as vezes fica dois dias ou mais sem cair. Estamos ao “Deus dará”. Desabafou um morador.

A deficiência da Embasa não é novidade no município. Na manhã desta sexta-feira (04), o Blog do Edyy fez uma pesquisa e viu que a mesma encontra-se com a sua concessão vencida.

Além da sua concessão estar vencida há mais de 20 anos no município, a sua tarifa média de água por metros cúbicos é de  R$ 5,28 /m3, enquanto na cidade de Itapetinga, que é administrada pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), é de R$ 1,67 o /m3  

PRESTADOR DE SERVIÇO

EMPRESA BAIANA DE ÁGUAS E SANEAMENTO S.A. (EMBASA)

NATUREZA JURÍDICASOCIEDADE DE ECONOMIA MISTA COM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA
SITUAÇÃO DE CONCESSÃODELEGAÇÃO VENCIDA

No verão entre 2015 e 2016, a cidade de Itarantim passou pela pior crise de abastecimento de água da sua História. O município se valeu a ajuda da vizinha cidade de Potiraguá, que capita água direto do rio pardo. A escassez de água no município levou os governantes lutarem pela construção de uma barragem no rio Mandim, o que foi prontamente atendida pelo Estado da Bahia que destinou o recurso para o município. Sendo assim foi construído o novo Sistema de Abastecimento de Água e entregue ao município, em abril do ano passado, durante a visita do governador na inauguração da BA-270, entre Itarantim a Maiquinique.

O fato é que a barragem do rio Mandim, segundo os moradores, foi um investimento perdido, pois o rio não dispõe de aguá o suficiente para que seja capitada pela bomba. Sendo assim, o pouco de água que é capitada vem do rio Jundiá, que também está passando por manutenção na adutora após rompimento devido as fortes chuvas dos últimos dias.

Veja o que diz a EMBASA sobre o problema no fornecimento de água;

“A Embasa informa que, para possibilitar serviço de manutenção em equipamentos da estação de tratamento do sistema de abastecimento de água de Itarantim, a oferta de água no município será reduzida temporariamente em cerca de 20%. A previsão é que o serviço seja concluído no dia 15 de dezembro, quando o fornecimento de água começará a retornar, de forma gradativa, as suas condições normais. Durante esse período, a empresa recomenda o uso criterioso da água armazenada nos reservatórios domiciliares, evitando usos que possam ser adiados, além de todas as formas de desperdício. A empresa lembra, também, a importância dos reservatórios domiciliares com capacidade suficiente para o atendimento das necessidades diárias dos moradores de cada imóvel. O serviço da Embasa em Itarantim consiste na manutenção de filtros, procedimento que visa aumentar a segurança operacional do sistema, contribuindo diretamente na melhoria da qualidade da água fornecida aos usuários”. Finalizou.

Fonte: Blog do Edyy

Postagem Anterior Próxima Postagem