A Petrobras anunciou que nesta quarta-feira (06), que o gás de cozinha de 13kg, terá um aumento em média de 12,2%. O quarto  aumento neste ano de 2017.


A empresa também informou reajuste de 2,5% nos preços de comercialização às distribuidoras do GLP (gás liquefeito de petróleo) destinado aos usos industrial e comercial. A justificava utilizada para o aumento foi a de estoques muito baixos e eventos extraordinários, como os impactos do furacão Harvey na maior região exportadora mundial de GLP, nos Estados Unidos. De acordo com a Petrobras, o cenário de baixa oferta e de alta na cotação externa foi considerado no ajuste do gás de botijão para uso residencial.

Por : Flávio Notícias com informações do via41 
Postagem Anterior Próxima Postagem