(Foto: Reprodução / Vermelhinho )



Mulher que confessou ter queimado e enterrado seu próprio filho de apenas um mês de idade, recebeu a liberdade provisória depois de uma audiência de custódia realizada na última segunda-feira (27).

Rosemare de Oliveira estava presa desde o último sábado (25), em Itabuna. A prisão foi realizada depois que familiares relataram o desaparecimento da criança.

A mulher teve liberdade provisória concedida pela 2ª Vara Crime e irá passar por um exame de constatação da sanidade mental. Ela continuará a responder ao processo em liberdade. De acordo com a Justiça, o resultado do exame deve definir se a mulher será presa ou encaminhada para o hospital de custódia em Salvador.


Fonte : Via41
Postagem Anterior Próxima Postagem